Planejamento Financeiro

Como Comprar um Imóvel na Crise?

Comprar um Imóvel

Como comprar um imóvel na crise?

Adotando uma conduta simples e acessível, você tem a possibilidade de conseguir comprar um imóvel mesmo na crise.

Pensar em realizar o sonho de comprar um imóvel com tantas notícias aparecendo na mídia, parece ser uma escolha na contramão dos fatos. Mas na realidade, mesmo com esse tempo de crise, é possível sim realizar os seus objetivos e metas pessoais.

A maior parte da população sonha em comprar um imóvel, para que assim tenham mais estabilidade e segurança para sua família. Mas com o medo de ter prejuízos altos, muitos desistem desse sonho de investir em um imóvel.

Com isso, nos preparamos um artigo especial, aonde vamos contar os principais segredos para fazer uma compra segura do seu imóvel, sem ter o medo da crise. Veja!

 

  1. Planejamento Financeiro.

O primeiro passo que você deve seguir é realizar um planejamento financeiro e realista, para que você possa atingir as suas grandes conquistas, pois sem isso fica muito difícil atingir suas metas.

Assim que você tomar a decisão que quer comprar um imóvel, você deve planejar a sua vida financeira para ser essencial.

  • Solicitar cortes e reduções no seu orçamento.

Vale a pena diminuir pacotes de televisão por assinatura e telefonia móvel, optar ao invés de passeios caros, idas ao parque, utilizar o cartão de crédito e o cheque especial somente para emergências, essas são algumas condutas a adotar, quando se quer poupar recursos para comprar um imóvel desejado..

Lembrando que somente você poderá definir o que irá cortar, sempre relacionado a visão do que você realmente precisa e o que pode ser dispensado.

  • Compras por impulso.

Os desejos de consumo vão precisar sem cortados quando você tem um objetivo maior. Então lembre-se, você deve comprar somente aquilo que for realmente necessária, e que não vá sair do seu orçamento.

  • Contrair dívidas.

Carnês e outras mensalidades originadas da compra de produtos que sejam indispensáveis, devem ser evitados a todo custo, pois eles comprometeram uma parte muito grande da sua renda, aonde te afastarão cada vez mais do seu sonho.

 

  1. Valor de entrada.

Você deve definir como vai dar a entrada para comprar um imóvel e de quanto vai ser este imóvel, mas essa ainda é uma questão que vale a pena voltar e olhar quais são as suas opções para a compra do seu imóvel.

Se você possuir um saldo alto de FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), pode optar pela chance de utiliza-lo como uma melhor forma de entrada para o seu imóvel.

Para aqueles que não podem contar com o seu FGTS, verificar quais são as suas possibilidades de dar o valor de entrada no imóvel a ser comprado, dependera da quantidade de recursos que você reuniu ao longo do seu planejamento.

É importante lembrar e ter bem claro que, quanto maior for o valor da entrada, as suas chances de conseguir um negócio vantajoso e comprar um imóvel de forma tranquila são bem maiores.

Para realizar a compra à vista, é fundamental não deixar de calcular as despesas extras com a compra do seu imóvel, as principais são os impostos, as taxas de cartório e a mudança de endereço.  Se elas forem esquecidas, podem expor quem colocou todas as suas economias para o imóvel, pois é uma situação delicada.

Se o financiamento imobiliário for a sua melhor opção, procure se informar junto aos bancos sobre as taxas de correções que vão refletir sobre o valor do imóvel desejado que você pretende adquirir.

As tabelas de correções variam de acordo com cada banco, aonde cada um tem a sua tabela de preços do financiamento, e para você contratar esse tipo de serviço, com o crédito escolhido, é fundamental comparar valores e condições.

 

  • Comprar o bem sem dar a entrada.

Para você que não tem disponível o valor para dar de entrada, e não considera em hipótese alguma fazer um financiamento imobiliário, aqui vai uma dica.

O consórcio de imóveis é a melhor opção do mercado atual, em 2015 ele cresceu 41,7% segundo os dados da ABAC (Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio), nele você pode comprar casas e apartamentos, ou imóveis de todos os tipos, sejam eles residenciais ou comerciais.

Por meio do consorcio, você também pode optar por construir, reformar, ampliar o seu imóvel, e até mesmo comprar terrenos.

Essas são as vantagens para você adquirir um consórcio de imóveis:

  • Você não tem que disponibilizar nenhum valor para dar de entrada;
  • Algumas administradoras de consorcio trabalham com a possibilidade de o cliente pagar parcelas reduzidas;
  • Você tem a possibilidade de utilizar o seu FGTS para ofertar lances, quitar parcelas ou até mesmo contemplar o valor da carta de crédito;
  • Quando você é contemplado no consorcio, você recebe o valor integral da sua carta de crédito, podendo realizar a compra à vista;
  • Você tem os benefícios de comprar, imóveis na planta, novos ou usados, pois o consorcio atende todas essas modalidades de aquisição imobiliária.

 

  1. Escolha do imóvel.

Busque entender todas as suas necessidades de moradia para definir qual o perfil ideal para o seu imóvel, pois ele vai ser o seu lugar, e precisa estar alinhado ao seu estilo de vida.

Muitas famílias que optam por morar em uma casa quando se tem crianças, ou apreciam a companhia de um animal de estimação.

Já pessoas novas, solteiras, ou até mesmo casais sem filhos, preferem optar por comprar um apartamento, pois as suas vidas cotidianas é muito corrida, apartamentos pequenos são a melhor opção.

Você deve sempre pensar no seu futuro e considerar que seus gostos podem mudar, então sempre avalie um futuro daqui por volta de cinco anos, até lá suas fases vão mudar, as expectativas também podem. Pensar dessa forma, fara com que você realmente decida qual será o melhor tipo de imóvel para você.

 

  1. Pesquise.

Ao pensar nessa aquisição, ter em mente o imóvel certo para você, é a parte mais importante de todas. Para conhecer melhores opções do mercado, você terá que fazer uma pesquisa ampla e detalhada, aonde te permitirá conhecer todas as opções, como valores das regiões que te interessam, modelo do imóvel e até mesmo você pode se planejar para realizar visitas.

Nada de precipitações, pois a compra de um imóvel deve ser feita com cautela e com bastante calma. Foque na pesquisa e conheça todas as suas possibilidades antes de fechar qualquer negócio, mesmo que você tenha visto algum que te pareça perfeito.

 

  1. Melhor localização.

Para que a sua conquista esteja completa, você deve parar para avaliar se o imóvel escolhido atende esses principais pré-requisitos. Quando você for realizar a visita a uma casa ou um apartamento, você deve prestar bastante atenção nas seguintes dicas:

  • Se ele está em uma região consideravelmente segura;
  • Se possui centros comerciais ao redor – escolas, comércios, hospitais ou postos de saúde, etc.;
  • Se o local te permite um fácil acesso ao seu trabalho, a locais de lazer que você gosta de visitar.

Você deve conhecer bem a região que está pensando em morar, para que no futuro, não tenha nenhuma surpresa desagradável. Se possível, visite-os mais que uma vez, e em horários diferentes, para que você consiga diferenciar os pontos fortes e fracos antes de concretizar o seu negócio.

 

  • Compra tranquila do seu imóvel.

Se você já pensou em tudo, e finalmente decidiu como irá comprar um imóvel, sendo ele o seu primeiro ou o aumento do seu patrimônio, é um excelente investimento. Essa é a hora de fechar o melhor negócio, mas preste muita atenção nessa outra dica para a compra do seu imóvel, verificar a documentação do local.

Verifique a situação do imóvel desejado nos cartórios de registro, e levante a situação em que ele se encontra, se o imóvel estiver na planta ou em construção, procure o Registro de Incorporação e o Memorial Descritivo, para que você possa se assegurar do que vai estar comprando.

Para os imóveis usados, a ida até o cartório de registros de imóveis também é requerida. Você deve levantar a situação das dívidas fiscais como os impostos, e se ele não está alienado nem bloqueado para venda, em alguma fundação ou algum processo judicial.

Pesquisar a situação do proprietário para comprar um imóvel também pode te ajudar a garantir a tranquilidade da compra do seu bem mais valioso, afinal de contas, cercar-se de garantias é uma ótima maneira de ficar longe dos problemas.

Comprar uma casa não é tão difícil como você pensava, por isso não se esqueça dessas dicas, faça as suas escolhas baseadas em um planejamento com bom senso e cuidado. Assim você logo em breve estará com o seu sonho realizado!

Caso queira ter mais informações sobre comprar um imóvel, continue lendo os artigos do O Blog do Consórcio, em breve falaremos sobre como adquirir o seu primeiro imóvel e sobre como administrar bem o seu consórcio. Assine a nossa newsletter e receba as nossas atualizações diárias.

 

PREENCHA O FORMULÁRIO E OBTENHA AJUDA

Melhor Forma de Contato

TelefoneE-mailWhatsApp

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *